Cerca de 10 participantes do já renomado PQP (Passeia Quem Pode, ou você pode dar a interpretação que quiser), de São Paulo, estão visitando a Estância Turística de Olímpia. O convite oficial para a visita foi feita pelo Embaixador dos amantes de carros antigos, Nilton dos Santos, que também é apaixonado por calhambeques, se bem que sua especialidade e paixão, herdadas do pai, pendem para os carros da Volkswagen.

A história do PQP é contada por um de seus integrantes, Dirceu Pereira Júnior, de Campinas, que é engenheiro civil, construtor e restaurador de carros antigos.

Dirceu, que veio com um Fordinho 1928 Phaeton, é um dos membros mais novos do clube, tendo ingressado no grupo em 2013.

A história do grupo remonta a 1990, quando Collor bloqueou as contas dos brasileiros, deixando todo mundo em situação dificílima. Na época, Nelson Fidélis e Nelson Cerri, de São Paulo, e um grupo de amigos resolveram fazer um passeio simples e barato, saindo com seus fordinhos para um giro em uma das cidades próximas a São Paulo. O acontecimento caiu no gosto do pessoal que resolveu transformá-lo em evento permanente, que vem acontecendo anualmente, do dia 26 de dezembro até 1º de janeiro.

A cada ano é escolhida uma nova cidade a ser contemplada com o desfile dos graciosos e românticos carrinhos que, onde chegam, atraem a atenção de todos. Os visitantes são sempre muito bem recebidos pela população local e, dessa maneira, acabam se tornando verdadeiros embaixadores da alegria e da boa vontade!

O anfitrião olimpiense, Nilton Flávio dos Santos, o Niltinho, conheceu o grupo em suas andanças, sempre envolvido em mostras de carros antigos e fez o convite para que o pessoal conhecesse Olímpia em sua próxima excursão. O convite foi aceito e nesta semana, Olímpia está sendo brindada com verdadeiras jóias da indústria automobilística.

10 Fordinhos estão em Olímpia e ficam por aqui até o dia 1º de janeiro. O grupo fará uma visita ao Clube Thermas dos Laranjais, ao Country Acquapark de Barretos e também ao Museu de Carros Antigos de Bebedouro.

 

 

.